segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

Receita de Mulher


Blog de meuamorvirtual :Borboletando, Receita de Mulher

Receita de Mulher

É preciso que haja qualquer coisa de flor em tudo isso.

É preciso que tudo isso seja belo.

É preciso que súbito tenha-se a impressão de ver uma garça apenas pousada
E que um rosto adquira de vez em quando essa cor só encontrável no terceiro minuto da aurora.

É preciso que tudo isso seja sem ser, mas que se reflita e desabroche no olhar dos homens.

Ah, deixai-me dizer-vos que é preciso que a mulher que ali está como a corola ante o pássaro
Seja bela ou tenha pelo menos um rosto que lembre um templo e seja leve como um resto de nuvem.

Ah, que a mulher dê sempre a impressão de que se fechar os olhos
Ao abri-los ela não estará mais presente
Com seu sorriso e suas tramas.

Que ela surja, não venha; parta, não vá;
E que possua uma certa capacidade de emudecer subitamente e nos fazer beber o fel da dúvida.

Oh, sobretudo que ela não perca nunca,
Não importa em que mundo
Não importa em que circunstâncias, a sua infinita volubilidade de pássaro;
E que acariciada no fundo de si mesma
Transforme-se em fera sem perder sua graça de ave; 

E que exale sempre o impossível perfume;
E destile sempre o embriagante mel;
E cante sempre o inaudível canto da sua combustão;
E não deixe de ser nunca a eterna dançarina do efêmero;

E em sua incalculável imperfeição
Constitua a coisa mais bela e mais perfeita de toda a criação imunerável.

Vinicius de Moraes

Blog de meuamorvirtual : Borboletando, Receita de Mulher

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...