segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Beija-flor


Beija-flor

Voa o pequeno pássaro.
Rubi, esplendor emplumado.
Voa o beija-flor,
Ave-poema alado.

Paira poesia imóvel.
Minúsculo para ser um soneto,
Pequeno, cinco ou seis versos,
De flor em flor...poemeto.

Lenise Marques


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...