quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Miragem




Miragem


Amo quando você vem assim com o vento,
bem de leve, esboçando seu riso mais doce.
Sua presença mistura-se aos raios dourados do sol
floreia o vácuo da minha alma
e colore minha retina.

Você chega assim de leve como a brisa,
e com ela também se vai...

E eu... Procuro desvendar cada traço fugido
que subitamente voa a embarcar nas ondas
desse meu sonho de mar.


Arnalda Rabelo





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...